Pagas duas vezes

Pagas duas vezes e mais nada. Pagas quando passas e depois também pagas as despesas de conservação, por cortesia das Estradas de Portugal.

Ah, as parcerias público privadas no seu melhor. Também as quero aqui para Bruxelas, enquanto os gajos do Top-Porco não topam a coisa! Aproveito e vou lançar o BBN (Banco Bruxelas de Negócios), pois o BPN já foi chão que deu uvas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *