Sete pragas

Um tipo pediu-me um cigarro.
– Não tenho. Não fumo.

Pediu-me, depois, moedas para um café.
– Não tenho moedas.

Rogou-me, então, uma praga.
“Vais ter um azar. Não sabes com quem estás a falar.”

Desmanchei-me a rir.
Aproveitei para jogar no Euromilhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *