Pastéis de bacalhau

Estava eu a dormir ferrado, no carro, como faço todas as 2as. feiras a esta hora, num furo de 2 horas entre aulas, com o carro parqueado à frente da escola, com o estacionamento devidamente pago, quando fui acordado, em sobressalto, por dois pares de pancadas no vidro.

Era um tipo fardado. Baixei o vidro.

Era um fiscal da Câmara a cobrar 1 euro de taxa turística de dormida.

4 comentários em “Pastéis de bacalhau”

  1. Não é preciso saber muito. Como vês, tenho vários autores, alguns sou eu, mas outros são alguns dos que estiveram aqui em setembro.
    Mas as redes afastaram o pessoal dos blogs. Agora sou eu apenas que escrevo. E escrevo aquelas coisas que acho que evem ficar para o futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *