A Europa é um museu

A Europa é um museu. Com horário público de abertura e fecho: fecha aos fins de semana. A Europa não funciona.

A Alemanha continua a saga de Hitler e do holocausto: queimar a concorrência. Grécia, Irlanda e Portugal taxados a mais de 5% e com a soberania adiada por 20 anos. E outros se hão de seguir. Deviam fomentar o consumo inter-parceiros, mas queimam os irmãos ao invés de os apoiarem?

Os EUA, pelo contrário, não param para descansar. Emitem moeda sempre que é preciso, estão-se nas tintas para os credores, e estão em todas as frentes de batalha. Não dormem. Daí a expressão de Vitoria Nuland “a UE que se foda” em fevereiro deste ano, sobre a estratégia de intervenção na Ucrânia.

4 comentários em “A Europa é um museu”

  1. Também é um circo, sem dúvida, com palhaços para rir e para chorar.

    Mas no que toca ao funcionamento est+a morta: é um museu.

  2. Também é um circo, sem dúvida, com palhaços para rir e para chorar.

    Mas no que toca ao funcionamento está morta: é um museu.

  3. Ah, nesse sentido é um museu!
    Eu diria que é mais um museu vivo… um Museu da Estupidez Pegada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *