Mereneläväriisi

Iniciamos aqui uma rubrica de aprendizagem linguística, aproveitando a coluna de culinária.
Para começar à paträo, escolhemos o finlandês. Sabemos como os nossos queridos leitores gostam de um bom desafio! Vamos lá então:

Mereneläväriisi

4 valkosipulinkynttä
2 sipulia
1 nippu korianteria
vajaat 2 dl oliiviöljyä
400 g pakastettuja kypsiä jättiläiskatkaravun pyrstöjä (tai 500 g raakoja, kuorellisia, pakastettuja jättiläiskatkaravunpyrstöjä)
600 g pakastettuja mereneläviä (sekoitus esimerkiksi kalmareita, simpukoita, katkarapuja ja mustekalaa)
suolaa
(1 tl chilirouhetta)
200 g pakastettuja mustekalanrenkaita
1 tlk (400g) tomaattimurskaa
4 dl risottoriisiä (carolino tai arborio)
7½ dl vettä
400 g pakastettuja puolikkaita kypsiä vihersimpukoita kuorineen (tai 500 g kokonaisia sinisimpukoita)

  • Pilko valkosipulinkynnet, sipulit ja korianteri.
  • Annostele syvälle paistinpannulle ¾ desilitraa oliiviöljyä.
  • Kun öljy on kuumentunut, lisää hienonnetut valkosipulit.
  • Kun valkosipulit ovat kypsyneet, nostele ne lusikalla sivuun lautaselle odottamaan.
  • Paista samassa öljyssä katkaravunpyrstöjä enintään 5 minuuttia niin, että ne ovat läpikotaisin sulia. Jos käytät kypsentämättömiä katkaravunpyrstöjä, paista niitä niin kauan, että ne saavat kauniin, punertavan värin. Nosta katkaravut valkosipulien kanssa sivuun.
  • Annostele toiseen kattilaan vajaa desilitra oliiviöljyä ja kuullota siinä pilkotut sipulit.
  • Kun sipulit ovat pehmentyneet ja imeneet öljyn, lisää joukkoon jäinen mereneläväsekoitus.
  • Kaada joukkoon vielä valkosipulin ja katkarapujen paistoöljy ja lisää joukkoon teelusikallinen suolaa ja halutessasi 1 tl chilirouhetta. Kääntele mereneläviä öljyssä.
  • Kun merenelävät ovat sulia, lisää joukkoon mustekalarenkaat, tomaattimurska ja anna kuumentua muutaman minuutin.
  • Lisää kattilaan risottoriisi ja sekoita.
  • Lisää joukkoon vielä 7½ dl kiehuvaa vettä, sekoita ja laita kattilan kansi päälle. Anna riisin kypsyä noin 15 minuuttia.
  • Lisää joukkoon simpukat vähän ennen kuin riisi on kypsää. Laita vielä kansi päälle ja kypsytä muutaman minuutin ajan.
  • Kääntele ennen tarjoilua joukkoon katkaravunpyrstöt ja paistetut valkosipulit. Lisää suolaa tarvittaessa. Koristele korianterisilpulla.

Se a traduçäo tiver corrido bem o resultado será este:

Portugalilainen mereneläväriisi

 

Putin invade Португалия

Aquando do lançamento do Asshole Of Today na Rússia, em cirílico, o Putin não achou piada nenhuma ao cartaz publicitário e “começou a receber pedidos de ajuda de Portugal”.

Cartaz de lançamento
Putin Asshole

Daí até enviar os tanques foram uns minutos. Uma semana depois estavam os tanques à porta de Belém, com os canos apontados ao palácio…

Os invasores tinham parado para comer pastéis com uma meia de leite quando o Cavaco foi informado do ataque iminente…

O Cavaco chegou à porta, levantou os braços e rendeu-se. Mas lá dentro dos tanques não havia vivalma. Os invasores estavam todos no pastel com meia de leite.

O Cavaco, que é um homem de princípios lá ficou com os braços no ar rendido à invasão. “Já nos vendemos à Tríade, que mal faz vendermo-nos a estes também?”, pensou.

A Maria, que chegava da mercearia com as compras na alcofa, vendo o Cavaco de braços no ar, pousou as compras, aproximou-se e levantou os braços também.

“Ah, Aníbal! Que surpresa tão agradável. Há quanto tempo não dançamos um corridinho.” E lá começou aos saltinhos a cantarolar algaraviadas enquanto coiceava o pobre chão de calçada.

Tempos muito interessantes

Provavelmente a notícia mais importante deste início de século:
Russia e China anunciam que väo deixar de comerciar em dólares.
O silêncio mediático nos merdia ocidentais diz bem das possíveis consequências nefastas que isto terá para o “Ocidente civilizado”.
Näo dizer nada, näo vá o poväo perceber e começar a trocar dólares por algo mais valioso, tipo… areia!
queimar dólares, ao menos aquece
Veremos se näo vai haver uma invasäo da Rússia ou da China “para instalar uma democracia”. Nah, é muita areia para a camioNATO deles, iräo (…) primeiro a outros dos BRICS. Ou aos associados-BRICS.
Säo mais pequenos e mais facilmente “democratizáveis”.

Realmente, que se f*d* a UE…

A vantagem de se ter um Presidente autor de ficção científica é de que ele inventa umas histórias mirabolantes para entreter o pessoal e fazer-se passar por pessoa de bem, e depois ainda haja quem caia no engodo.

Entretanto a realidade é um pouco (muito) mais macabra, próxima dos livros de terror, não bastava terem ministros neonazis a governar, milícias fascistas a policiar, oligarcas nomeados governadores regionais…

A UE ainda apoia gente desta? Tenho de dar razão à grunha gringa de certo modo!

Ah, pois, e já pediram uma “ajuda” ao FMI, que já se sabe como corre sempre bem. Por tudo isto, um pouco por toda a Ucrânia (a começar pelo Sul, passando pelo Leste, e já também a Oeste), o povão ucraniano se pergunta “e quem nos salva dos nossos salvadores?“…

Ultimatum

Tinham pinta de não ser de cá e lá os levei para o aeroporto.
-Então como é? Sempre vais?
-Tenho de ir para onde sou preciso.
-Mas aquilo não se vai resolver às boas?
-Não, já lhes demos um ultimatum até às três da matina, mas lá
pela meia noite vamos dizer que fomos atacados e TUMBA! neles.
-Assim, sem mais nada?
-Tem que ser. Não podemos perder tempo.
-Então boa sorte.
-Eles é que vão precisar de boa sorte.

Uff!

Agora já posso fazer outra.
Uffff!! Lá me safei de mais esta.

Uff!! Consegui! A Ucrânia cedeu. Estava a ver que não.
Alinhei bem e vou ser magnificamente recompensado.
Uma brilhante carreira internacional.
Sou o Ronaldo da política externa portuguesa.

Já não preciso de concorrer a PR. Pode ser o Marcelo.
Vou dizer ao Passos para actuar de imediato.

Marcelo cede à emoção, voa para Lisboa e levanta Congresso.

Feito!
Sou até melhor que o Ronaldo.
– – –

O Barroso tem coisa melhor. Tem de ser o Marcelo.
O Barroso já não vem. Uff!!!

Nós pagamos para eles. Até quando?

Reparem bem nestas duas notícias no DN do mesmo dia:

DN21Fev14Neste Diário de Notícias, duas noticiazinhas muito juntinhas. Será que foi de propósito?

Eles fojem com brutos ordenados e nós pagamos!
Isto é grotesco! Estão a gozar conosco!!

Eles a locupletar-se e nós a fazermos a austeridade.
Irra!

Que grande caso de Top-Porco!!

Javardice política…

…ou política do cagalhão

Chefe de gabinete de Miguel Macedo demite-se por causa de contrato com ARS de Lisboa

Os aficionados do PSD sempre foram os maiores javardos da política. E eu já cá estou desde o 25 de abril a observar.

Desde o Oliveira/Cavaco com o BPN até esta coisa mirabolante de abrir uma empresa no dia 1 de janeiro (feriado nacional), atribuir-lhe 70 mil euros/ano de subsídio estatal, despedir-se do cargo atribuidor (secretário de estado) 15 dias depois porque com 70 mil euros, que se foda o cargo (e o povo – essa coisa peganhenta – também), e ainda assim continuar com os 70 mil euros/ano no bolso.

Mas o negócio já não é cancelado!

Puta que pariu estes filhos da puta todos

Dois tachos por hora

Abri os jornais na net@ e, numa hora apenas, surgiram as notícias de 2 tachos para ineptos nacionais.

Arnaut na Goldman Sachs

Santos Pereira é o novo economista n.º 2 da OCDE

Cada hora que passa, os jornais anunciam mais um tacho

Há nomes que eu oiço e que no meu cérebro nem sequer me mostram a cara ou a cor política do dito. De imediato sinto: CORRUPTO. É isso que sinto quase sempre que oiço o nome de um político, ou de um administrador de uma das grandes empresas a quem os nossos políticos fazem todas as vontades.

O ministro do pastel de nata é o nº 2 da OCDE? Agora é que não há dúvidas da palhaçada toda que são as elites que nos subjugam.